NOTÍCIAS

Dia Nacional de Combate ao Colesterol

VIVA MAIS | Sede Social

8 de agosto de 2019

Hoje, dia 8, é comemorado o Dia Nacional de Combate ao Colesterol, idealizado como forma de conscientização e prevenção de doenças cardiovasculares (DCV).

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), as doenças cardiovasculares representaram mais de 30% dos óbitos. No Brasil, a Sociedade Brasileira de Cardiologia (SBC) aponta que 60 milhões de pessoas têm colesterol elevado.

Por isso, é sempre importante lembrar que a prevenção é o melhor remédio. Uma alimentação errada, ao longo da vida, pode levar a pessoa a construir a sua própria doença. A nossa saúde depende muito mais do que comemos e do nosso estilo de vida do que somente da nossa herança genética. Ter uma boa alimentação, praticar atividades físicas, e sempre realizar exames de rotina são boas dicas para manter a saúde em dia.

NOTÍCIAS

Dia Nacional de Combate ao Colesterol

CASSI | Dia Nacional de Combate ao Colesterol

8 de agosto de 2013

Dia Nacional de Combate ao Colesterol
8 de agosto


Manter o colesterol sob controle é importante para qualquer pessoa, independentemente de sexo, idade ou da presença ou não de outras doenças. Confira a seguir algumas informações importantes.


Colesterol
O colesterol é um tipo de gordura (lipídio) encontrado naturalmente em nosso organismo. Fundamental para o funcionamento normal do organismo, o colesterol é o
componente estrutural das membranas celulares em todo nosso corpo. Cerca de 70% do colesterol é fabricado pelo nosso próprio organismo, no fígado, enquanto que os
outros 30% vêm da dieta.


Colesterol alto
O colesterol pode ficar muito alto em nosso organismo. E se esse excesso não for eliminado pelo fígado, poderá obstruir as artérias. A formação de placas de gordura nas
paredes dos vasos é conhecida como aterosclerose.


Tipos
Existem dois tipos de colesterol. O LDL, conhecido como “colesterol ruim”, é o responsável pela formação de placas de gorduras que prejudicam a passagem do sangue,
podendo causar doenças cardíacas. Já o HDL, chamado de “colesterol bom”, remove o excesso de colesterol no sangue, reduzindo o risco de formação das placas de gordura.


Doenças
O colesterol elevado contribui para o agravamento da aterosclerose, podendo causar distúrbios cardiovasculares (infarto) e cerebrovasculares (AVC ou derrame).


Prevenção
É importante fazer exames regulares de colesterol e de triglicerídeos solicitados pelo médico, manter alimentação balanceada e praticar exercícios físicos regulares. Outra
orientação para evitar a doença é abandonar o sedentarismo e o fumo. Nos casos de dislipidemia de origem familiar, as alterações ocorrem mais precocemente e o controle do
colesterol exige acompanhamento especializado.


Orientações
– Controle o excesso de peso. Peça ajuda a um profissional de saúde para calcular o seu Índice de Massa Corporal (IMC).
– Adote uma dieta balanceada.
– Monitore a pressão arterial.
– Pratique atividade física regularmente.
– Evite o estresse. Tenha um dia a dia mais prazeroso.
– Abandone o hábito de fumar.


Reduzir ou evitar o consumo de:
– Vísceras, leite e seus derivados integrais. Opte pelo leite desnatado e seus derivados;
– embutidos, frios (presunto, queijo com elevado nível de gordura, salame e mortadela);
– peles de aves e frutos do mar;
– óleo de coco, azeite de dendê, manteiga e gordura hidrogenada;
– carboidratos simples (pães, massas, pizza, macarrão, lasanha, arroz, doces e bebidas alcoólicas). Dê preferência a pães e massas integrais;
– carnes gordurosas, frituras e bebidas alcoólicas.

Agende seu atendimento na CliniCASSI para mais orientações. Caso sua cidade não tenha Serviço Próprio da Caixa de Assistência, procure um clínico geral.


Fonte: Cassi

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

VEJA TAMBÉM